Escreva um diário


Olá, tudo bom? Eu vou bem, obrigada.
Cara, 550 seguidores? Eu to chorando sangue, sério, eu to feliz pra caramba. Antes do dia 7 de março conseguimos tudo isso. Antes dos 4 anos do blog.
Acreditam que eu já li 10 livros esse ano? Eu realmente estou animada com isso e espero que o mês de fevereiro seja mais uns 10 pelo menos e antes de julho já terminei a minha meta de 50 livros.

Eu já escrevi muitas vezes sobre a sensação de escrever sobre o que eu sinto e o que acontece no meu dia-a-dia em um diário. Se não me engano aqui mesmo no blog tem uma postagem assim e não canso de incentivar vocês a fazerem isso. Principalmente agora que estamos ainda no inicio segundo mês do ano, é um ótima dica pra você levar para 2016.
Então eu decidi listar as boas coisas de ter um diário.Pode parece meio bobinho demais, mas é um jeito que faz eu me sentir melhor e talvez isso funcione com você!

Antes de ler, gostaria que fosse nesse link e leia uma postagem que dá 10 motivos para escrever um diário. Quando eu li isso percebi que não é tão bobo assim manter um diário.
Agora decidir trazer para vocês motivos pessoais para ter um diário.

Se sentir leve :Sempre que algo me deixa nervosa, frustada, triste e feliz eu já escrevo tudo, em detalhes, as vezes sem detalhes, da maneira que eu necessitar escrever, eu escrevo. Escrevo tudo que sinto, desabafo e jogo todo o peso da minhas costas em algumas páginas. Claro que não vai tudo embora, mas garanto que uma parte alivia.

Sem medo de ser você mesmo: Desenha o que você sente, rabisque, escreva e rime, não vai ter diferença nenhuma, só você será dona disso, só você irá ver. Desabafe da melhor maneira que você puder, seja o melhor de você mesmo.

Nunca vão descobrir: Se você fez uma coisa e não compartilhou com ninguém, pode dizer o diário se você tiver cuidado com ele ninguém ira saber, ninguém ira ler nada, Então sempre diga tudo, nunca vão descobrir.

Só você vai entender: Sabe aqueles códigos que criamos quando eramos crianças? Use ele para escrever, quem sabe se você for uma pessoa que saiba outra língua, também uma ótima forma de deixar tudo escondido. No livro que li chamado Sereia, Zara, uma das personagens escrevia em francês em seu diário para que ninguém entendesse nada.

Refletir sobre você mesma: Leio alguns textos meus e percebo o quanto eu mudei, que as uns 8 meses atrás eu era uma pessoa tão diferente e com desejos diferente. A vida uma reviravolta e tá tudo lá no diário, para sempre lembrarmos do que aconteceu.

Escrever em diários me da um bem estar ótimo. E indico isso a vocês. Já escreveram algum? Me conte as experiências.



40 comentários:

  1. Eu tenho um diário, infelizmente escrever doí a mão hahah ! mas eu amo escrever nele !

    beijão <3

    Visite o Blog : seteprimavera.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dói mesmo, mas eu esqueço e continuo escrevendo.
      Obrigada

      Excluir
  2. Gostei muito da postagem. Já tive muitos diários, mas hoje não escrevo mais em um. É realmente uma ótima forma de refletirmos sobre quem somos, principalmente se guardarmos todos os diários e lermos tudo depois, para ver nossas mudanças.

    Flor de Júpiter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pretendo guardar todos os meus a partir de agora.
      Obrigada

      Excluir
  3. Eu já tive um Diário, o problema mesmo não era escrever e jogar para fora oque eu queria, o problema era a mão mesmo. Dói ? Dói sim, é o único problema em um Diário.

    Eu gosto de escrever em Cifra de Cesa, que pode ser considerado um código bem leve, mas um pouco Hard de descobrir. <3

    Mas acho que o real lado bom de ter um Diário seria o poder de você escrever por longos tempos, e quando for ler oque você já fez, vai perceber que já mudou muito na sua vida >u<' AUSuAS

    - .fugaz -

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dói mesmo, mas eu esqueço.
      Eu não conheço esse código, mas me parece interessante.
      Sim, isso é uma sensação maravilhosa.
      Obrigada

      Excluir
  4. Não acho bobo, escrevo diários a vários anos, só que minha mãe lia e ficava chateada com algumas coisas que eu falava dela HAUHAUHSU

    Eu gosto de reler, da uma sensação bom de "ufa, não sou mais tão merdona", achei o meu de 2009 e cheguei a conclusão que eu era uma criança muito depressiva por ser sozinha, eu chegava a escrever implorando pra deus me dar um amigo, o que é bem triste, mas hoje podemos rir por que hoje eu tenho uns 3 meio amigos /q

    Eu ainda escrevo pra desabafar, só que no computador, aí depois de uns dias eu apago, mas me deixa beem mais leve assim. Recomendo a sensação pra todos!

    Mas seu post me deu uma ideia, fazer o diário com desenhos! Ainda mais por que eu to tentando evoluir nos desenhos, e é uma maneira gostosa de se expressar. Sempre tenho ideias pra desenhos quando estou triste! Bem, obrigada, vou começar um logo e em 2017 eu revejo tudo vendo as datas dos desenhos e depois taco fora. -^- (só vai ter desenho depressivo, ou bem horroroso, na minha cabeça são umas obras de arte escorrendo sangue /q bom que eu vejo a evolução)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha mãe leu umas 3x no máximo, ela não se interessa.
      Eu também era uma criança assim fjandsjfanf.
      Eu escrevo pra deixar lá mesmo fdsanfjnsda.
      Diário de desenho é muito bom, mas ainda sim muito mais cansativo que o diário normal.
      Obrigada

      Excluir
  5. Parabéns pelos 550 seguidores e pelos 10 livros até agora (prometi a mim mesma que leria também, mas a escola vem tirando todas as 24 horas do meu dia ~)
    ´Pouca gente sabe disso, na verdade, ninguém sabe disso, mas eu tenho um diários faz dois anos. Não é propriamente um diário de papel, e sim um virtual (porque digitar é mais rápido), que atualizo quase todo dia pelo celular. Como você disse, deixa a gente leve, foi uma das melhores coisas que já fiz. Para mim, a melhor parte é perceber o quando as coisas mudaram e o que parecia um grande problema à alguns meses na verdade se resolveu facilmente.
    { Visite ➸ Time Slip }

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lendo 4 por mês já é o suficiente para mim.
      Eu não gosto de digitar muito no celular, mas se tivesse um diário virtual, séria no pc mesmo.
      Dai eu também não perderia caso fosse roubada.
      Obrigada

      Excluir
  6. eu tinha um , mas ando tão sem tempo pra nada , mas é uma ótima ideia voltar a escrever é como uma terapia para si mesma ! DIY haha seguindo seu blog , parabéns pelos seguidores !

    www.nataliloure.com.br

    ResponderExcluir
  7. Ain, adoroo diaria, apesar que não escrevo mais, eu tive um só, quando tinha 11 12 anos, é tão engraçado ler o que escrevi muitos anos atrás, acaba rindo de si mesmo, lembranças boas, ruins, e vergonhosas kk, adorei um dia ter diario, agora me deu vontade kkk demais o post :D

    XOXO Mundo da Móguih :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, eu já me peguei lendo os meus antigo e é algo engraçado e nostalgico.
      Obrigada

      Excluir
  8. Confesso que sempre tive interesse em escrever um diário, mas assim, só tive alguns quando eu era muito nova, tipo, tinha uns 10 anos e com 10 anos a nossa vida é maravilhosa né? Eu também tinha aquela ideia de que eu tinha que escrever todos os dias, hoje eu sei que não é bem assim, você escreve quando sente que precisa e tal. E agora lendo esse seu post eu realmente fiquei com vontade de tentar ter um diário novamente, um lugar só meu, algo que eu estou precisando muito ultimamente, de mais privacidade na minha vida e ainda vou poder praticar o meu inglês kkkk' adorei o post <3

    rawr-it.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre escrevi, desde os meus 10 anos e sempre tive essa vontade de continuar com tudo isso.
      Eu escrevo sempre que posso.
      Obrigada

      Excluir
  9. Oi, Luni! Eu costumava a escrever diários quando eu era criança. Todo ano eu ganhava uma agendinha e eu usava para anotar os acontecimentos do dia-a-dia, segredos e sentimentos. Uns dias atrás eu reencontrei esses diários e dei muita risada das coisas que li. Tinha até um plano para destruir minha escola, hahaha. As vezes eu penso em voltar a escrever, mas não tenho mais aquele ânimo. Talvez algum dia eu tome coragem. Hahaha.

    https://penseeadistance.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Nossa, que garotinha atentada em?
      Obrigada

      Excluir
  10. Olá! Desde que encontrei um diário da minha mãe de 1987 comecei a escrever o meu, percebi como é legal ver a mudança que passamos ao longo dos anos e é uma forma de me ajudar a cumprir metas!

    http://whoisllara.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Eu já tive essa experiência de achar um diário, era na verdade um caderno de amor que ela escrevia para o seu marido, meu avó.
      Obrigada

      Excluir
  11. Só tentei escrever em diário uma vez, mas não tenho muita paciência HASUIDHA. De qualquer forma, concordo com todos os pontos, deve ser ótimo ter esse hábito :3

    Beijos, Vickawaii
    http://finding-neverland.zip.net

    ResponderExcluir
  12. Eu escrevo diários desde sempre e posso dizer que são milhares de benefícios! Fora a sensação de alívio e de poder voltar para ler o que já passamos. Ontem mesmo estava lendo meu diário de 2013, e comecei a entender muita coisa que se passava comigo naquela época e muito coisa que está acontecendo comigo agora. É como assistir um filme, só que de trás pra frente haha' Ótimo post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo.
      É a mesma sensação de assistir um filme, dirigido e escrito por nós mesmo.
      Obrigada

      Excluir
  13. Oi, Luni! Acho que tu nem lembra de mim, eu era/sou a Zombie do blog Zombies Vegetarianos ~desatualizado há mais de um ano~. Eu entrei nele de novo e vi teu comentário, aí eu precisava ver se tu ainda mantinha o blog na ativa ~porque eu era apaixonada pelo teu blog e por ti, que sempre foi um amor de pessoa comigo~. Eu vou me manter mais no teu blog, por que eu na rápida passada que dei por aqui e olhando por cima das postagens percebi que eu ainda me encaixo super com ele e com o teu jeito de pensar, né? E também porque eu estou pensando em dedicar um pouco do meu tempo para a blogosfera, porque eu realmente fiquei com saudades de postar e de poder me chamar de blogueira, essas coisas POKASPOAKS E ele será basicamente sobre algumas aleatoriedades e alguns escritos meus, contos, livros...
    Sobre o post: TENHO UM AZAR DO CAPETA COM DIÁRIOS.
    Um eu levei para uma viagem e deixei no fundo da minha mala, minha mãe mexeu nela e achou ele. Não tinha nada sobre drogas e garotos, mas tinha sobre coisas que ela não deveria ler. Entre essas coisas, reclamações e xingamentos pesados sobre ela ~sou dessas APOAKSPOAKS~. Deu a maior treta, sério. Ela fico muito braba por ter lido aquelas coisas. Mas eu não podia fazer nada, ela queria que eu ficasse falando o quanto ela era linda? Não, eu vim pra esse mundo pra ser reclamona mesmo.
    E o último ~decidi que não terei mais~ foi no celular. Ele tinha senha e aqueles aplicativos que bloqueiam aplicativos exclusivos, sabe? Bom, ela meio que me acordou de noite e me deixou sonâmbula ~sou sonâmbula, para minha sorte~ e mandou eu desbloquear meu telefone. De acordo com ela eu colocava a senha e bloqueava de novo, aí ela ficou mais intrigada ainda. Só de lembrar já me dá uma raiva do cão. Isso foi no meio do ano e eu ainda não consegui perdoar ela, e olha que ainda quero uma revanche poderosa. Enfim, ela pegou e leu TUDO que tinha no meu WhatsApp, meu diário, meus livros... tudo. Aí no outro dia ela tava super brava porque eu fazia dietas malucas e extremamente rígidas, porque eu já tinha beijado e não tinha falado pra ela, porque eu tinha beijado uma guria e não tinha contado ~ela ainda não entendeu que foi só um selinho, e agora ela fica braba quando eu quero dormir na casa dela, mas eu não gosto dela~, também ficou braba porque eu tinha amigos virtuais, porque eu tinha amigos que fumavam maconha... Essas coisas que ela não tinha motivos para se importar, porque se eu quisesse me drogar, fazer o caralho a quatro e sabe se lá o quê eu já teria feito.
    Mas eu já decidi que diário pra mim, só quando eu morar sozinha. Porque depois dessa do celular, eu tenho um pouco de medo da minha mãe OAKSPAKSPAOKS E agora ela não confia mais em mim, tipo, pra nada. Tudo o que ela me deixa fazer é um teste pra ver se eu vou pisar na jaca. Eu só fico rindo dela achando que faço a porra toda acontecer né, mereço.
    Mas o tempo que eu tive com meu diário, foram só coisas boas que me vieram. Eu parecia menos raivosa e mais sociável, sabe? Mais de bem com a vida.
    Desculpa o comentário meio sem nexo e com muitas reclamações da minha mãe, não posso falar disso que já fico quente da cara POAKSPOAKS ~sorry~
    Beijos, até o seu próximo post <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CLARO QUE LEMBRO, MDS ME ABRAÇA, QUE SDDS, CONTINUA PF, VOLTA, EU AMAVA SEUS POST.
      Nossa, o máximo que a minha mãe chegou a ler o meu diário, foi bem bobo e eu tinha começado de escrever, ela só descobriu que eu gostava de uma rapazinho.
      Obrigada

      Excluir
  14. Wonderful post and nice layout ^^

    Would you like to support each other by follow on GFC & G+?
    Please Let me know if you follow me and I’ll follow back!

    Love xx
    Official Seol ♥

    ResponderExcluir
  15. Oii! Parabééns pelos seguidores, você merece ♥
    Nossa, 10 livros? Eu ainda não li nenhum esse ano pois quero trocar os óculos primeiro. Sempre que eu leio muito, fico com uma dor de cabeça horrível, então é melhor esperar mais um pouquinho.
    Eu já tive um diário anos atrás, no qual eu sempre esquecia de escrever. Queria muito voltar a ter um pois realmente te deixa mais leve mas minha mãe já ficou muito chateada comigo porque escondi uma coisa dela. Já que ela mexe em TUDO aqui em casa (tanto que quando compramos um presente, temos que guardar na casa de alguém ou estragar a surpresa e pedir para ela não mexer em tal lugar), logo logo iria descobrir e ficar enchendo meu saco dizendo que estou escondendo mais coisas dela.
    Mas eu recomendo para as outras pessoas, pois desabafar é sempre bom *-*
    Bjs,
    Bipolaridades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaammm.
      Agora são 11, se não me engano, ou 12.
      Eu nunca esqueço fjasnjfns.
      Nossa, isso já é um saco, mas tenta esconder o máximo que puder.
      Obrigada

      Excluir
  16. Hey! Bem, eu te indiquei para a tag "Eu AMO Ser Blogueira" Queria muito que você respondesse <3
    Link ->> http://goo.gl/iECbd9
    Bjjs!

    ResponderExcluir
  17. Sabe, você merece muiiito mais que 550, o blog é maravilhoso <3
    <3
    Ter diário é uma coisa complicada e maravilhosa hahahaha <3 Eu tenho dois diários, um eu deixo na minha mesa e anoto tudo que me vem na cabeça, e o outro deixo mais escondido para o meu irmão não ver e anoto coisas mais pessoais <3 Eu desabafo, das coisas mais alegres as mais tristes, retardadas e chatas hahahaha.. Mas na realidade eu uso o blog como o meu diário mais pessoal, entende?

    www.valentinices.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAhh que bom que acha isso <3
      Bem, é uma ideia inteligente, mas eu acho que teria preguiça.
      Obrigada

      Excluir
  18. Nunca parei pra pensar o quanto um caderno "bobo" faz uma diferença e tanto. Eu já tive, mas foi quando tinha uns 8 anos. MInha mãe não gostava muito, ela dizia que não queria que eu escrevesse mal das pessoas, ou coisas que me deixassem mal, e então eu não escrevia, não tinha muito oque falar.
    Agora, com 15 anos, escrevo no celular mesmo, na maioria das vezes converso com Deus por escrita, porque assim sei me expressar melhor. A escrita me ajudou muito, nunca tive um diário de verdade, sabe? Mas eu queria ter um lugar pra depositar tudo aquilo que me deixa pesada... Obrigada pelo post inspirador, irei hoje mesmo escrever um pouco, me libertar das coisas não necessárias. Um grande beijo.
    Sentimentos Apurados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que essa ideia da sua mãe é meia boba, mas é melhor deixar no papel o que nós deixa ruim do que em nos mesmo.
      Que bom.
      Obrigada

      Excluir
  19. O meu diário é o meu blog, sério acho que foi a melhor coisa que eu já criei na vida porque consigo colocar todos os pontos que você citou nele além de acrescentar, meu textos só quem sabe pra quem são sou eu, na hora de publicar mudo nomes, artigo e lugares por alguns amigos acompanham logo podem descobrir sobre quem fala, falo minha opinião de filmes, livros, coloco minhas fotos e tudo que eu sou está nele, sem falar que me trás amigos incríveis e conteúdo que eu nunca acessaria sem um blog como passagem, a ideia do seu post é genial.
    xx

    http://www.folhasdeoutono.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pensando bem, esse blog também é meu diário.
      Obrigada

      Excluir
  20. Eu já tentei manter um diário, mas eu bem que não consigo, não consigo parar de achar bobinho e idiota tudo o que eu escrevo nele e além do mais porque é dificil esconder cadernos por aqui. Mas pensando bem, eu já escrevi em vários blogs e eles são meio que um diário até pra mim. Ótimo post, moça :) AMEI seu blog.

    http://paraqueconhecer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é bobo cara, é você mesmo.
      Obrigada

      Excluir

-Não ofenda ninguém
-Sigo de volta se eu quiser
-Comente o link do teu blog, irei retribuir
-Aceito pedidos de afiliação
Obrigada pela visita!